5 razões para garantir a segurança de informação no seu escritório jurídico

Embora muitos escritórios jurídicos não tenham consciência sobre isso, a segurança de informação é algo muito importante e que merece um investimento especial. Afinal, os ciberataques são uma realidade e podem causar vários danos aos sistemas dos advogados, que não investirem em tecnologia.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo American Bar Association e divulgada pelo portal Migalhas, 26% dos escritórios jurídicos dos Estados Unidos tiveram informações vazadas apenas no ano de 2016. No Brasil, embora não haja uma estatística levantada, essa prática também tem sido cada vez mais comum e tem causado medo nesse tipo de empresa.

A segurança de informação, dentro desse contexto, é um conjunto de ações que precisam ser colocadas em prática para proteger os softwares dos escritórios de advocacia, como o armazenamento de dados em nuvem, controle de acessos aos dados, backup frequente, entre outras ações que devem fazer parte do cotidiano da empresa.

Para que você entenda mais sobre o assunto, listamos 5 razões para garantir a segurança de informações no seu escritório jurídico. Acompanhe nos tópicos a seguir!

1. Furto

O furto por meio de invasões aos sistemas de um escritório de advocacia pode ocorrer em duas esferas: no aspecto financeiro e na âmbito das informações corporativas. No primeiro caso, trata-se de invasões ao software que gerencia os recursos monetários da empresa. Desse modo, os invasores podem desviar dinheiro das contas, independentemente da quantia, e trazer prejuízos imediatos à organização.

Já o furto de informações ocorre quando os invasores se apropriam ou apagam dados importantes dos sistemas, como provas e evidências que seriam utilizadas em tribunais, por exemplo. Isso é muito grave, pois pode prejudicar muito os casos defendidos pelo escritório.

2. Extorsão

O crime de extorsão também é bastante comum quando as invasões chegam aos sistemas de escolas de advocacia. O que acontece é que os criminosos roubam informações de casos importantes dos clientes e pedem dinheiro para o escritório jurídico, para não tornarem públicos os dados roubados.

Geralmente, essas invasões são feitas por meio de phising, ou seja, mensagens falsas para atualizar o sistema, por exemplo, que instalam vírus nas máquinas, deixando-as vulneráveis e fáceis de serem acessadas por pessoas mal intencionadas e que pretendem praticar a extorsão.

3. Roubo de propriedade intelectual

Outro crime comum e que está relacionado com a invasão de sistemas de escritórios de advocacia é o roubo de propriedade intelectual. Desse modo, se a organização trabalha fazendo o registro de patentes de produtos para empresas, por exemplo, pode ter o software acessado e tais informações roubadas antes da finalização do registro.

Assim, a pessoa que invadiu o computador pode roubar as ideias de produtos que serão patenteados e vender a propriedade intelectual para empresas concorrentes. A prática da chantagem também pode ser comum em casos assim, com os bandidos pedindo dinheiro em troca da devolução das informações roubadas.

4. Exposição de informações confidenciais

É natural que os escritórios de advocacia mantenham informações de seus clientes armazenadas em seus sistemas por anos, mesmo após os casos já terem sido encerrados. Isso se justifica até mesmo por questões legais, pois o contratante pode requerer esses dados futuramente.

Acontece que essas informações têm conteúdo sigiloso, que diz respeito apenas aos envolvidos e que jamais devem vazar para o grande público. De tal modo, com a finalidade de prejudicar o seu escritório ou algum de seus clientes, invasores podem entrar no seu sistema, roubar dados e disponibilizá-los nas redes sociais da internet, a título de exemplo.

5. Risco de manchar a imagem do escritório

Obviamente, se qualquer uma das situações anteriores acontecer no seu escritório, a sua imagem e reputação será manchada e isso pode afetar a confiança que os clientes têm em seu trabalho.

Além de ter dificuldade em conquistar novos clientes, nesse caso, você ainda pode até perder os que já contrataram seus serviços, que terão a confiança depositada em seu escritório abalada, por conta do vazamento de informações, mesmo que eles não tenham sido as vítimas propriamente ditas.

É por esse motivo que o risco de manchar a imagem do escritório é bastante grave e deve ser evitado o máximo possível, por meio de cuidados extremos com as informações, que jamais devem ser vazadas.

6. Bônus: dicas de segurança de informação para escritórios de advocacia

Existem algumas boas práticas simples que podem ser colocadas em ação para melhorar a questão da segurança em seu escritório de advocacia. A principal delas é a instalação de antivírus e firewalls, para impedir que programas maliciosos sejam instalados em seus computadores.

Também é importante restringir o acesso de dados importantes apenas para as pessoas envolvidas no processo, evitando que todos os colaboradores do escritório tenham acesso a todas as informações armazenadas no sistema.

Adotar políticas internas de treinamentos dos funcionários sobre o uso correto da internet no trabalho também é importante. Eles devem ser orientados a sempre deslogar do sistema após o uso, bem como evitar abrir e-mails e mensagens suspeitas ou de procedência desconhecida, por exemplo.

O backup também é uma medida importante e que precisa ser feita com bastante frequência. A ideia é que as informações sejam armazenadas em outros locais além do sistema. Dessa forma, se elas forem apagadas, poderão ser acessadas também por meio de outros locais.

Todas essas ações evitam que os sistemas do escritório de advocacia seja invadido por pessoas mal intencionadas, cujo objetivo é apenas se beneficiar de alguma forma, por meio do roubo de informações em sistemas.

De maneira geral, para evitar fraudes e garantir a segurança de informações em um escritório jurídico, a opção mais garantida é contratar uma empresa especializada na organização de processos e gestão de sistema, bem como fazer o acompanhamento dos processos em todas as esferas, garantindo sempre a sua confidencialidade.

A Kurier Tecnologia tem a expertise necessária para fazer esse trabalho e garantir a segurança de dados em seu escritório de advocacia. Afinal, temos mais de uma década no mercado, sendo uma referência em soluções tecnológicas para todo o campo jurídico.

Quer saber mais sobre o assunto e revolucionar o seu escritório? Então, entre em contato conosco agora mesmo! Teremos satisfação em receber a sua mensagem.

Share This